Quem indicou o livro?

O curador do mês de setembro foi Ruy Castro, escritor e jornalista com passagens pelos principais veículos de comunicação do Brasil. Castro consagrou-se no universo literário como biógrafo responsável pelos aclamados livros sobre figuras populares como Nelson Rodrigues e Carmen Miranda. Sua obra acumula quatro prêmios Jabuti e já foi traduzida em países como Estados Unidos, Japão, Espanha, Itália, Polônia e Turquia.

“Um dos livros mais queridos da história da literatura brasileira. Depois que eu li, nunca mais fui o mesmo.”

- Ruy Castro

Sobre o que trata?

Indicado por Ruy Castro, a obra explora o território situado entre a memória e a ficção a partir de um punhado de recordações do narrador-autor. Nelas, a figura de seu pai é o centro e a motivação para o exercício das lembranças que, constantemente, adquirem contornos do imaginário. Nostalgia, cumplicidade, vergonha, saudade: os mais diversos sentimentos despertados por um improvável embrulho. Após 20 anos afastado da literatura, Carlos Heitor Cony publica este que chama de quase romance e recebe importantes prêmios literários por ele.

4 curiosidades sobre Quase memória

O livro já virou filme, dirigido por Ruy Guerra e com Tony Ramos interpretando Carlos Heitor Cony.

As mangas que ilustram a capa e o mimo fazem parte de uma das lembranças mais icônicas da obra.

A edição da TAG contém uma dedicatória do autor.

Ruy Castro foi a primeira pessoa a ler o livro depois de muito insistir que Cony voltasse a escrever romances.

© 2017 TAG - Experiências Literárias

Como faço para me associar?

Por uma mensalidade de R$62,90 + frete você se torna um associado 

Enviamos um kit literário surpresa para a sua casa 

O livro é escolhido por uma personalidade da literatura

Quero o kit de fevereiro!

Se associando hoje você garante a experiência de fevereiro na porta da sua casa.